Afterschooling, Família, Materiais, Vídeos

DICA DE LEITURA!

Gosto de contribuir com outras famílias na educação de seus filhos. Isso, para mim, acaba sendo uma via de mão dupla. Quase sempre que ajudo, recebo uma infinidade de aprendizados, frutos das vivências dessas mães queridas que cada vez mais vão se tornando parte da minha história. Como mais um capítulo dessa minha caminhada, esta é mais uma forma de contribuir. Iniciei, através do instagram algumas postagens com dicas de leituras para as crianças. Espero que sejam sugestões interessantes e que ajudem os pais na hora de escolher um livro para comprar ou emprestar e que também possam ser mais uma ferramenta para o trabalho de diferentes aspectos vividos em família e entre amigos.

Na dica de hoje, falo sobre um dos livros de uma coleção que gosto muito: “Quer uma mãozinha”, Editora Scipione e trata do desenvolvimento do espírito de serviço, de ajuda aos demais. Gosto bastante! Espero que vocês também!

Afterschooling, Família, Homeschooling, Materiais

O que ganhei com a Música Clássica?

Somos uma geração que sofre de apeirokalia, como bem citou a minha amiga Karina do Aprendendo Latim. Essa é uma palavra grega que significa “falta de experiência das coisas belas”. Nossa geração foi criada com uma concepção estranha ao belo, como se este não existisse, como se tudo, qualquer coisa, pudesse ser considerada bela só porque sim e, paradoxalmente, nada pudesse ser considerado portador de beleza se assim alguém compreendesse. Num mundo onde tudo é subjetivo e depende unicamente da afetividade mal formada de seus atores, perdemos de vista a objetividade da vida, a realidade dos fatos concretos, a real beleza ou feiúra das coisas que nos rodeiam.

Fomos perdendo a capacidade de contemplar, absorver, processar coisas mais complexas. Nossos cérebros não foram expostos ao exercício de uma observação empenhada, à contemplação. Sim, também acho que existem certas coisas que podem ser belas para uns e não para outros, que a subjetividade é quem julga, no entanto, não são todas as coisas relativas. Existem coisas que são belas ou feias objetivamente, independente de nós e o que acontece é que nosso cérebro, nossa alma não foram educados, carinhosamente preparados para compreender dessa forma.

Educar-se de verdade custa! Ainda mais quando fomos, como humanidade, perdendo a noção de muitas coisas, quando muitas foram sendo relegadas, propositalmente, a planos cada vez mais inferiores de importância e necessidade. A destruição da beleza como realidade vem sendo feita a séculos, mas na nossa geração estamos vivenciando um triste apogeu. Agora sentimos na pele como custa aproximarmos dela. É como voltar para a academia. Como custa levantar aqueles pesinhos mequetrefes! Como dói voltar no dia seguinte…céus!…porquê paguei o plano anual mesmo? Nem vou mais!

Bom…eu sou dessa geração. Não acho que apenas um estilo de música (pintura, dança, escrita, etc) sirva, seja bela. Sim, existe consistência em diferentes estilos. No entanto, a música erudita nunca foi algo frequente nos meus dias. Eu achava uma ou outra interessante, mas nunca para realmente deleitar-me. Porém, comecei a perceber através de leituras, boas conversas como nossa vida está interligada. Se só leio as revistas de fofoca da sala de espera do dentista, que tipo de imaginário eu formo? Como escreverei bem se minha referência é pobre de marré derci? Se minhas amizades só falam de novelas e acham que promessas foram feitas para serem quebradas, que tipo de exemplo de vida vou espelhar meu caráter e fundar minha vida? Se as músicas que escuto rotineiramente possuem apenas 12 notas musicais repetidas à exaustão juntamente com frases do tipo “vai cachorra”, considerado cultura por muita gente de algumas secretarias, como espero não descer, aos poucos (ou ladeira abaixo) em minha dignidade humana e acabar expondo meus filhos a situações que não condizem com a de um ser humano, mas sim de animais que não conseguem controlar o menor impulso, seja qual for?

Ouvir música erudita frequentemente, não unicamente, mas com uma frequencia diária, me fez entrar em contato com a impressionante capacidade humana de transformação. Transformei, de maneira intencional alguns momentos de nosso dia, meu e de minhas filhas em minutos de conversa, de descoberta. Como disse uma mãe amiga que também está transformando alguns minutos do seu dia a dia “mais do que somente ouvir a música, nós mergulhamos no mundo do compositor (descobrimos um pouco da sua história, do país que nasceu, os costumes do local…). E as crianças AMAM essas descobertas!! “.

Eu e minhas filhas passamos a ouvir as músicas com maior atenção, aos pouquinhos estamos desenvolvendo uma consciência musical mais apurada (temos muito a caminhar ainda!), vamos seguindo a ordem cronológica feita pelo maestro Ademir e assim visitamos pontos específicos da história da humanidade. Procuramos ouvir a composição com atenção para compreender as explicações dadas por ele.

Tenho tido a experiência de chegar na sala e presenciar minha mais velha escolhendo alguma música já ouvida para dançar com a mais nova, pedir para escutar novamente a música de alguma semana, pois achou muito linda. Devido a tudo ser feito com frequência e envolvido em uma situação familiar, minhas filhas estão aprendendo muito sobre geografia, uma disciplina que pode se tornar meio mecânica dependendo de sua abordagem. A de 6 anos sabe explicar o que é um estuário! Fazemos brincadeiras para que adivinhem qual é o pais do compositor dando dicas como “fica no hemisfério Norte, faz fronteira com a Suíça e é banhado pelo Mar Mediterrâneo”. Elas correm procurar no mapa e descobrem! E assim vão criando conexões entre as informações, deixando mais fácil a memorização.

Ganhei tempo de qualidade com minhas filhas, contato com a beleza da música, aprendizados reais embebidos em afetividade sem a necessidade de saber tocar um instrumento, ler uma partitura. Vale muito a pena se esforçar e colocar um tempo do dia para isso.

Se você gostou da ideia, queria compartilhar um projeto que surgiu dessa nossa vivência: Música Clássica para Crianças! Nele, coloco a pesquisa que fiz para as conversas com minhas filhas com imagens, dados históricos, geográficos, bandeira, imagens dos compositores, vídeos, uma seleção de músicas feita em ordem cronológica pelo Maestro Ademir Silva bem como explicações sobre os períodos de cada obra e aspectos musicais das mesmas. é tudo feito de família para família, de simples aplicação. Clica no link abaixo para saber mais!

https://berryclub.kpages.online/musica-classica-criancas-2

Um abraço!

Cibele Scandelari

Afterschooling, Áreas do Conhecimento, Homeschooling, Materiais

MÚSICA CLÁSSICA PARA CRIANÇAS 2.0

Um tempo atrás escrevi um texto (AQUI) que pretendia fazer uma reflexão a respeito do tipo de música a que nossos filhos estão sendo expostos. Sim… como pais nossa preocupação deve ser ampla, extremamente responsável, sem alarmismos, mas atenta. Naquele texto exponho o quanto a música influencia a vida das pessoas e como é importante que tenhamos consciência disso. Hoje, gostaria de falar o que eu faço para tentar fazer com que minhas filhas tenham contato com música de qualidade e fazer um convite.

Eu, Cibele, não sou formada em Música, sou pedagoga e comunicadora. Mas fui observando ao longo da minha experiência materna e através do convívio com outras mãe que devemos ter alguns cuidados. Algumas vezes na realidade familiar teremos que proibir algumas coisas, no entanto, seria interessante que soubéssemos agir no estilo da Medicina Preventiva e nos preocuparmos em expor nossos filhos a situações diversas nas quais eles possam experimentar a beleza, a elaboração de algo profundo e que tais momentos sejam banhados por uma convivência familiar capaz de produzir agradáveis, suaves e profundas memórias afetivas.

Pensando nessas questões, em minha casa escolhemos que nossas filhas teriam acesso à música conhecida como “música clássica”.

Talvez alguém possa pensar: “mas o que tem a ver a música com o caráter das pessoas?”.  A música permeia muitos campos da vida humana , ela exerce uma influência muito grande na vida das pessoas. Podemos verificar isso facilmente no vestuário que acompanha muitos jovens que seguem determinadas bandas, no comportamento ditado por determinadas tendências musicais, na multidão que muitos astros arrastam. A qualidade musical é sempre boa?  As composições refletem o potencial criativo humano de maneira profunda sempre? Na verdade, muitas vezes a música que é apresentada pela mídia, vendida para sociedade de maneira geral, tem a característica de degradar o ser humano, de ter má qualidade sonora, de aproveitar-se de certas tendências de algumas faixas etárias para manipulá-las. A exposição é tão frequente  que, aos poucos, nos acostumamos ao ruim e o mesmo é tido como normal. Começamos a ficar tão acostumados a certa sorte de criações artísticas diversas, dentre elas a música, que nossos padrões vão baixando de maneira que nem percebemos e logo não sabemos mais identificar o belo, o bom e nem mais a apreciá-lo adequadamente, uma vez que nos faltam os dados necessários para esse deleite, para essa análise. É importante esclarecer que não quero dizer que apenas um tipo de música seja boa, mas que devemos tentar elevar nossos padrões.

Um dos motivos é que simplesmente não temos mais contato com aquilo que é belo. Ninguém mais fala sobre esses assuntos em casa, como era feito antigamente.  Esse foi um dos motivos de termos colocado a música clássica dentro dos estudos de nossas filhas. Percebemos que a música pode ser uma ferramenta muito importante para o desenvolvimento delas.

Algumas pesquisas indicam que a música erudita é um gênero musical com uma elaboração tal capaz de acionar diferentes partes do cérebro, dando maiores possibilidades de novas conexões neurológicas. Além disso,  expor nossas crianças ao que é verdadeiramente bom possibilita que, ao terem contato com outras formas musicais, possam vir a ter condições, ferramentas que lhe permitam serem realmente livres e avaliarem a qualidade do que lhes é apresentado tanto no nível auditivo quanto na estética das roupas, nos padrões de comportamento.

Pensando nisso, criamos um programa de audição aqui em casa. Minhas filhas ouvem, todos os dias durante uma semana uma composição e conversamos sobre a mesma. Nossas conversas abrangem o país do compositor, a história do mesmo e um pouco sobre a vida dele. Com o passar do tempo, o mapa mundi virou amigo delas e aspectos geográficos se tornaram algo muito simples de compreender. Dados históricos se tornaram curiosidades que elas amam falar e a apreciação da música trouxe uma maravilhosa atmosfera para nosso lar. Ao perceber tudo isso, pensei em disponibilizar a outras famílias a pesquisa que fiz de forma que pudessem se beneficiar a um preço baixo e eu pudesse ajudar financeiramente em casa. E assim surgiu o “Música Clássica para Crianças”. Um programa de audição musical orientada.

Queria te convidar a conhecer e permitir que seus filhos tenham a oportunidade de ter contato com música de qualidade cercado de um ambiente acolhedor. Experimente!

Abaixo segue o link da página do programa:

http://berryclub.kpages.online/musica-classica-criancas-2

Estamos com inscrições da segunda turma abertas até dia 05/05/2019. Aproveite!

0-4 Anos, 5-10 Anos, Homeschooling, Materiais, Vídeos

Latim para Crianças: o material

Olá pessoal!

No post anterior eu trouxe uma dica bem legal de material para o trabalho da língua latina com as crianças. Hoje resolvi colocar aqui para vocês um vídeo para mostrar o que vem dentro desse material. Perdoem a cinegrafista amadora. Mas mãe homeschooler é assim mesmo: filmagem é quando as crianças foram dormir, quase de madrugada e se o cachorro não colaborar é o que temos…rsrsr. Para aqueles que se interessarem o link para a compra do material é https://go.hotmart.com/Y11596912W

Segue o vídeo!

link HOTMART:

https://go.hotmart.com/Y11596912W

Um super abraço e bons estudos!

Cibele

Homeschooling, Materiais

Latim para Crianças!

Olá famílias! Olá mamães!

Gostaria de colocar à disposição para aqueles que se interessarem um material que achei lindo. E não é porque conheço os idealizadores. 🙂

Na verdade é um programa mensal para o ensino de latim para criança através das orações da Igreja. Vou colocar abaixo a descrição do produto. Quais palavras melhores que dos próprios idealizadores, não é?

“O Latim Para Crianças é um currículo de introdução à língua latina para famílias que desejam iniciar o estudo do latim. As atividades têm como objetivo construir um repertório de escuta e pronúncia em latim.”

Todo mês, aqueles que se inscreverem terão acesso ao material para impressão. “Nesse material estará o conteúdo a ser trabalhado durante o mês e incluirá orações, vocabulário de substantivos, calendário de apoio, imagem para colorir, treino de caligrafia com texto em latim. Para ajudar na aplicação você terá acesso a um vídeo por semana com o ensino da gramática e guia de pronúncia além de dicas de aplicação e outras sugestões.”

VANTAGENS

Não é necessário ter conhecimento prévio da língua latina, na plataforma você terá acesso ao guia de pronúncia correspondente a cada material disponibilizado. Você aprenderá e logo em seguida poderá aplicar as atividades com as crianças.
Com alguns minutos por dia é possível construir um repertório de escuta e pronúncia em latim que serve de base ao futuro estudo da gramática latina.
As atividades são simples e leves além de proporcionarem momentos de união entre os familiares.
As crianças em idade pré-escolar terão a oportunidade de ouvir as orações e os outros conteúdos em latim e fixarem gradualmente a pronúncia. É possível fazer isso desde bebezinho.
Para as que estão sendo alfabetizadas haverá uma atividade de caligrafia em letra pontilhada para cobrir e os pais poderão incluir outras atividades tendo como base o conteúdo mensal.”

Enfim, talvez vocês estejam pensando: “Mas eu posso encontrar tudo isso se pesquisar…”. Correto. Porém aqui, você já terá tudo belamente organizado e se preocupará apenas em desfrutar de momentos ricos, profundos e de qualidade com seus filhos. O material pode ser usado tanto por famílias homeschoolers quanto por famílias que optaram pela escola.

Indico mesmo!!

Segue o link!!!

https://go.hotmart.com/Y11596912W

 

Dê uma conferida!

Espero que gostem da dica!

Um abraço,

Cibele