Família, Maternidade

Como lidar com filhos diferentes? Um início de conversa…

 

É normal escutarmos a frase “Meus filhos são tão diferentes…não sei por quê…eduquei todos da mesma forma“. Bom, primeiramente é importante que deixemos muito claro para nós, pais e mães empenhados em bem educar os filhos: se viermos a ter dois ou mais filhos um será diferente do outro. Cada um terá um temperamento, cada um sentirá a vida de uma forma única. Podem até ser parecidos, mas nunca iguais. E aqui é importante que analisemos como se dará o processo de educação de pessoas diferentes. Será justo que uma criança mais passiva, mas dócil, seja tratada com a mesma energia que uma outra mais ativa porém teimosa? Será que a estratégia funciona? Será justo tratar igual aos diferentes e, assim, não valorizar os pontos fortes e trabalhar os fracos em nome da “igualdade de tratamento”? Não me parece justo…na verdade me parece errado. Errado na medida que essa igualdade de tratamento não trará para cada criança aquilo que ela realmente necessita.

Para lidar e bem educar filhos diferentes, há a necessidade de conhecê-los. Quais são seus gostos e desgostos? Quais seus interesses? Suas dificuldades residem em quais áreas? Suas qualidades são de quais tipos? Seus defeitos estão de qual tamanho? Quanto mais conhecermos, mais teremos chance de bem educar. À medida que nos empenhamos em conhecer vamos percebendo que as estratégias para cada filho necessitam ser adequadas, ajustadas a cada um. Quem se empenha em conhecer e mesmo assim aplica as mesmas estratégias para todos os filhos, está permitindo que seus esforços evaporem. De nada, ou pouco adiantarão. Em algumas situações poderão causar dano, inclusive.

Do ponto de vista da prática dos pais, a homogeneidade de ação pode até tornar o dia-a-dia mais “fácil”. Porém, a facilidade terá data para acabar e quando acabar virá acompanhada  de muitos problemas criados por essa igualdade de tratamento.

Sendo assim, como fazer? Creio que a primeira coisa é aceitar que não existe uma receita pronta. Educar exige esforço. Neste caso, os pais terão que esforçar-se  para oferecer soluções reais para cada um. Isso exige. Paternidade/maternidade é algo delicioso, mas nem por isso fácil.

Acredito que a primeira coisa seja ter tempo para conhecer seus filhos, observá-los nas brincadeiras, descobrir como e por quê reagem a frustrações e conquistas. Em segundo lugar, creio que será importante cultivar a paciência. Sobre esses assuntos ESTE e ESTE textos tratam um pouco mais.

Tendo o tempo e a paciência, desvendar o temperamento de cada filho pode ser uma das mais importantes coisas a acontecer no processo educacional dentro da família. Ao saber o temperamento de cada um (inclusive os pais saberem qual seu próprio), pai e mãe terão melhores condições de compreenderem porque seu filho age de determinada maneira e como ajudá-lo, promovendo situações, fazendo perguntas de maneiras mais adequadas.  Sobre temperamentos, existem inúmeras obras. A mais recente é a do Dr Ítalo Marsili, de fácil leitura e muito didática: “Os 4 temperamentos na Educação dos Filhos”. 

Conhecendo o temperamento de todos os envolvidos, é importante que os pais saibam levantar fatos sobre as situações que envolvem seus filhos. FATOS não são coisas que nos passam na cabeça, coisas que achamos sobre o que vivem. Fato REALMENTE é real. Depois de saber os fatos, devemos separar deles os problemas e então pensar em soluções para a realidade de cada criança de maneira personalizada e amorosa. Esses passos obterão maiores resultados à medida que o casal tenha isso como tarefa dos dois, como equipe.

E assim vamos dando os primeiros passos na busca por acertar uma educação pessoal, integral e verdadeira.

 

Cibele Scandelari.

 

 

 

 

2 comentários em “Como lidar com filhos diferentes? Um início de conversa…”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s