Família

A EDUCAÇÃO DA VONTADE E O HOMESCHOOLING

 

Todo pai e mãe que se preze deseja que os filhos alcancem seus sonhos, sejam felizes. Isso não é diferente numa família homeschooler. A diferença está no tempo e na maneira como a família educadora pode fazer isso.

Eu estava olhando minhas filhas estudarem e pensei o quanto quero que sejam felizes. E então, lembrei que a felicidade é alcançada quando os propósitos da vida são conquistados (o meio do caminho também pode ser bem gratificante). A vivência homeschooler, somado ao que aprendi com outras famílias, me fez refletir que, se pararmos para pensar um pouco, podemos melhorar esses objetivos. Torná-los mais nobres, dignos daquilo que o ser humano é capaz: podemos querer que nossos filhos sejam pessoas de caráter firme, índole boa, capazes do bem.  E agora vem a pergunta que todo homeschooler faz cada vez que se depara com um desafio: “como vou fazer isso?”. Como que eu Cibele, de carne e osso, desenvolverei situações diárias que levem minhas filhas a compreenderem seu papel como pessoas, a encontrarem seus propósitos e a serem essencialmente boas.  Uma das respostas é: educar a vontade.

Os pais, sendo homeschoolers ou não, são os principais responsáveis pela formação dos filhos. Se escolheram educar em casa, possuem mais alternativas para essa empreitada. Estão presentes, possuem o tempo de convivência, pensado para os filhos. Nisso, devem lembrar que depende deles a formação integral dos seus.

Homeschoolers responsáveis olham para os filhos e não pensam apenas em sua formação acadêmica. Uma pessoa pode ser muito inteligente. Se não tiver vontade de fazer aquilo que é nobre, usará sua inteligência de maneira mesquinha, para conseguir se livrar de coisas que lhe custa mais ou até para fins maus. A educação da vontade é a arte de trazer o querer interno para fora, de modo que as ações da pessoa que atua estejam direcionadas àquilo que é intrinsecamente bom. Mesmo que custe. A pessoa QUER agir de maneira boa.

Nas conversas do grupo de apoio com outras mães homeschoolers, aprendi que para educar a vontade é necessário ter em mente que esta é influenciada pela imaginação, pelo temperamento e pela afetividade.

Sendo assim, se você quer educar a vontade do seu filho alimente sua imaginação com coisas que valham a pena.

****ESTE TEXTO FOI ESCRITO ORIGINALMENTE PARA A GAZETA DO POVO. Finalize sua leitura no link abaixo:

https://www.gazetadopovo.com.br/educacao/homeschooling-para-educar-seu-filho-alimente-sua-imaginacao-com-aquilo-que-vale-a-pena-7gmlidqhfsu55m7ya446dbnpk

 

Cibele Scandelari

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s